quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Rasgue

Deus enxerga o conhece o nosso coração (o nosso íntimo). Por isso podemos ter certeza de que para Ele o mais importante não é o que mostramos por fora, mas o que nos move por dentro. Jesus Cristo acusou os fariseus e mestres da lei, grupos religiosos de sua época, de hipocrisia. A eles se aplicava aquela famosa frase: "Faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço." Exatamente se mostravam pessoas fiéis e piedosas, mas em seu interior as coisas não estavam em ordem com Deus. Gostavam de mostrar para as pessoas como eram corretos diante das leis de Deus e apontavam os erros dos outros. Mas o problema é que tudo não passava de aparência: pareciam verdadeiros servos do Senhor, mas por dentro estavam cheios de maldade e erros não resolvidos.
O texto de hoje também mostra o perigo de hipocrisia. Havia entre o povo de Deus a prática de rasgar as vestes em sinal de luto, desespero ou aflição. Mas isso também poderia se tornar uma atitude hipócrita se não fosse feita com sinceridade, mas apenas como um ritual sem significado. Poderiam lamentar sua situação sem perceber que a causa estava neles mesmos, em desobediência a Deus. É por esta razão que o profeta afirma que Deus não quer que seu povo rasgue as suas roupas, mas o seu coração. "Rasgar o coração" é uma prova sincera de que estamos profundamente arrependidos pelo que fazemos de lá no íntimo (onde somente Deus saberá que precisamos de sua ajuda para restaurar a nossa vida) e mudar de direção. É essa atitude que agrada ao Senhor, e não uma demonstração pública de piedade. Para Deus a prova de que você não aceita as atitudes que não condizem com a sua palavra é ser o primeiro a reconhecer que comete erros e que precisa da ajuda de Jesus Cristo a cada dia.

"Deus não quer aparência de piedade, mas um coração sincero."

Vocês são como sepulcro caiados: bonitos por fora, mas por dentro estão cheios de ossos e de todo tipo de imundície. (Mateus 23:27b).
Leitura: Joel 2:12-18

Fonte: Pão Diário 

5 comentários:

Wendel Bernardes disse...

Oi Tarci... dei uma sumida, mas tô de volta, ok?

Curti essa frase aqui:
Gostavam de mostrar para as pessoas como eram corretos diante das leis de Deus e apontavam os erros dos outros.

Na verdade eu creio que os hipócritas, tanto os do passado, como os de hoje, apontam os erros dos outros não para parecerem 'mais santos', mas porque enquanto os outros estão preocupados com os erros alheios, não olham pros erros deles mesmos!

Mais fácil me é apontar os erros de meus irmãos para que não vejam... os meus!

Brilhante (re)postagem querida!
Paz!

Daiane disse...

Oi Querida estou passando para lhe dizer que fiz um selo de qualidade para seu blog,quando você tiver um tempinho passe la no meu cantinho e pegue ok a e se quiser indicar mas pessoas fique avontade.bj Fique na Paz.

CORAÇÃO QUE PULSA disse...

Oi sobrinha lindaaaaa...
Saudades tambem.Amei o post.
SEJAMOS SINCEROS COM DEUS E CONOSCO.
SEM HIPOCRIZIA.Beijos da tia.

CORAÇÃO QUE PULSA disse...

BEM VINDA!!!
E já chegou com mensagens boasssssss...kkkkkk
Beijos da tia.
FIQUE COM DEUS.

Clécia Ferreira disse...

Tarciiiiii, sumida!

Trabalhando igual gente grande, né? rsss...

O que importa pra Deus é um coração quebrantado,

Ele não resiste!

Abração querida!