quinta-feira, 10 de março de 2016

A Supremacia de Deus na Pregação - Parte 2

Ano passado fiz uma postagem sobre o livro "A Supremacia de Deus na pregação" de John Piper, a parte 1, agora segue a parte 2 da postagem. 

Em seguida ele fala do dom da pregação, que é o poder do Espírito Santo. Piper enfatiza a importância da Escritura. Ele fala que a pregação não deve ter base bíblica, mas que deve ser toda a bíblia. Aborda também a cerca do pregador, da alegria e seriedade em proclamar a Palavra.
Na segunda parte do livro ele trás orientação do ministério de Jonathan Edwards de “como tornar Deus supremo na pregação”. Ele usa Edwards como exemplo, de como deve ser a vida do pregador e enfoca um trabalho de seriedade no ministério. Edwards tinha um amor extraordinário pela glória de Deus, os efeitos positivos desse amor eram refletidos em seus sermões. O que Jonathan pregava eram extensões de sua visão de Deus, ele deleitava-se nas escrituras, mas o que consiste deleitar-se na glória de Deus? De acordo com Piper:

Inclui ódio para com o pecado, medo de desagradar a Deus, esperança nas promessas de Deus, contentamento na comunhão com Deus, desejo pela revelação final do filho, exultação na redenção que ele efetuou, tristeza e contrição por falhas no amor, gratidão por benefícios imerecidos, zelo pelos desígnios de Deus e fome de justiça (PIPER, 2012 p. 78). 

O mundo está sedento do amor de Deus e a maioria não sabe, e procuram preencher este vazio de diversas maneiras. No entanto a palavra de Deus nos exorta que a glória de Deus é de valor infinito. Em I Coríntios 10:31 lemos “quer vocês comam, bebam, ou façam qualquer outra coisa, façam tudo para a glória de Deus”. Jonathan Edwards diz que: “o prazer em Deus é a única felicidade com o qual nossas almas podem ser satisfeitas”. Isso nos mostra a nossa dependência na vida cristã de um Deus que tudo pode e que cuida de nós. Esta é a mensagem que Piper deixa para os seus leitores, que Deus deve ser supremo na nossa pregação. Se amarmos as pessoas, se amarmos o propósito global de Deus iremos zelar pela pregação de Sua Palavra.

2 comentários:

Lucinalva disse...

Olá Tarcinha
Linda reflexão. Bjs querida.

Barbara lopes disse...

oiiiieeeee

show o blog, legal você estar ativa aqui no blog.. eu voltei rsrsrs

bjuuu